Duas frases de Samuel Beckett em Esperando Godot

Duas frases de Samuel Beckett em Esperando Godot

Não é raro encontrar Esperando Godot, de Samuel Beckett, em alguma lista de maiores clássicos de todos os tempos (como essa aqui). No entanto, quando estreou, em 1952, essa peça foi mal recebida - muitas vezes, o público ia deixando o teatro antes mesmo do fim. Também, pudera... Beckett - na época sem um Nobel de Literatura para ostentar - estava ali rompendo com a estrutura narrativa do teatro. Em vez de uma história com um conflito que caminha para a sua resolução, o que temos são dois caras, Vladimir e Estragon, aguardando um tal de Godot. 

Não acho que Beckett seja um grande frasista em suas peças, mas, ainda assim, separei dois trechos muito bonitos:

"As lágrimas do mundo são em quantidade constante. Para cada um que irrompe em choro, em outra parte alguém para. Com o riso é a mesma coisa. Não falemos mal, então, dos nossos dias, não são melhores nem piores dos que os que vieram antes. Não falemos bem, tampouco. Não falemos. Verdade que a população não aumentou."

"- Ajudou a passar o tempo.
- Teria passado igual. 
- É. Mas menos depressa."

 

Livros relacionados

Esperando Godot

Posts relacionados

100 livros mais importantes da literatura mundial, segundo a Revista Bravo
Todos os escritores contemplados com o Prêmio Nobel de Literatura

Siga o Shereland

Comentários

Deixe um comentário

http://

Nenhum comentário. Seja o primeiro!