A gente lê: Ele está de volta

A gente lê: Ele está de volta

O livro da vez é Ele está de volta, de Timur Vermes.

Meu Deus! Apologia a Hitler? Estamos lendo um livro nazista, que está defendendo os ideais arianos? Claro que não. Confesso que tenho curiosidade para ler sobre o que Hitler escrevia (sério mesmo, quem em sã consciência defenderia um massacre daqueles?), mas esse não é o caso.

Ele está mais para sátira, tentando imaginar como seria se ele simplesmente aparecesse hoje em dia. Como seria se aparecesse um pessoa com bigodinho central, cabelinho lambido e com aquela cara de bravo? Alguém muito tolerante poderia até levar ele a tomar uma no bar (embora ele não seja muito interessado em álcool). Alguém mais esperto levaria ele pra TV, e tiraria uma grana.

Em resumo o livro é isso. Um cara defendendo arduamente o nazismo, e as pessoas sem levar a sério. Nem mesmo os neonazistas acreditam nele. Mas o livro não é só isso. O Hitler, antes de tudo, também é uma pessoa, e é mostrado ele como alguém simpático com algumas pessoas próximas (não é só aquele homenzinho enfezado gritando e xingando), além de referências dele contando de si próprio no passado.

Gostei bastante, e recomendo para quem quer ter uma leitura divertida sobre ele, o que convenhamos, é uma tarefa difícil.

Estava passeando por uns sites e reviews, e tem pessoas arduamente defendendo o contrário. Que não deveria haver brincadeiras desse tipo em relação a um massacre desse tamanho. Se você for esse tipo de pessoa, não preciso nem contra indicar essa leitura. Mas sinceramente, não é nada demais. Como já falei, não é apologia, mas uma sátira.

Por fim, meio gratuito, mas achei muito boa para aqueles que não acreditam em reencarnação.

gato-hitler.jpg
Fonte da imagem: http://9gag.com/gag/aNoB0v6

Livros relacionados

Ele está de volta

Siga o Shereland

Comentários

Deixe um comentário

http://

Nenhum comentário. Seja o primeiro!