Vestido de Noiva

Vestido de Noiva

Ano de publicação

1943

Autor

Nelson Rodrigues

Por que ler

#fazpensar #leiturarapida #bomenredo #classico #misterio

Por que não ler

#tenso

Sugestões

A Semana da Arte Moderna rolou em 1922, mas muitos defendem que o Modernismo só chegou ao teatro brasileiro em 1943, com a estreia da peça Vestido de Noiva, de Nelson Rodrigues.

Com ela, o teatro deixa de ser mero entretenimento para começar a tratar também de questões psicológicas. De acordo com a professora da USP Elizabeth Azevedo, Vestido de Noiva leva ao palco a mente da personagem principal, Alaíde.

A peça é dividida em três planos: o da realidade, da alucinação e da memória. Na realidade, temos Alaíde entre a vida e a morte em uma mesa de cirurgia, após ter sido atropelada. No entanto, é por meio do que acontece na memória e na alucinação (que não necessariamente fez parte da realidade), que vamos entender quem é aquela moça e, até mesmo, o que causou o acidente.

Quer mais motivos para ler? A obra é um dos 100 maiores clássicos nacionais, segundo a famosa lista da Revista Bravo, e é superfluida, dá para ler em uma sentada.

Por Gabriela

Posts relacionados

Frases de Nelson Rodrigues em O Casamento