O Outro Pé da Sereia

O Outro Pé da Sereia

Ano de publicação

2006

Autor

Mia Couto

Por que ler

#cativante #ficcaohistorica #bomenredo #fazpensar #realismofantastico #surpresanofinal

Por que não ler

#demandaatencao #trechosnaoclaros

Sugestões

O burriqueiro Zero Madzero encontra uma santa de uma perna só, e o adivinho das redondezas lhe aconselha a guardá-la num lugar sagrado. Mas o cara vive numa aldeia erma, então cabe à sua esposa, Mwadia, levar a santa para a igreja do vilarejo onde o casal nasceu e cresceu antes de optar pelo isolamento. O livro fala portanto da volta para a casa, para as raízes, em vários sentidos.
Em paralelo, acompanhamos uma embarcação de missionários portugueses de 1500 e pouco que desejam catequizar os africanos. Neste barco, está a santa ainda não amputada.
Por Gabriela

Posts relacionados

A gente lê: O Outro Pé da Sereia
As melhores frases de O Outro Pé da Sereia, de Mia Couto. Qual a sua favorita?
Personagens brasileiros da literatura mundial